"A todos os visitantes de passagem por esse meu mundo de cores tão intensas... lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, das fotos de musas que emprestam suas belezas para compor esse espaço ou das notas da voz fascinante de Petra Magoni... que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"

13 de set de 2011

Foto do post... (desconheço)




Estrela Cadente

Feito menina, olho para o céu,
buscando respostas
aos meus anseios
e não encontro meios de ler
no mapa dos cometas e asteróides,
a certeza de concretizar os meus anseios.

Olhos nas constelações,
busco encontrar teus olhos...
Fito as galáxias, à procura do teu riso...
que ecoa, como guiso,
pendurado na ponta da lua minguante.
Onde tu estás, senhor do meu poema,
razão das minhas rimas?
Onde estão as tuas mãos que ainda me tocam,
ao sabor dos ventos?
Procuro-te...
procuro-te em meio ao horizonte infinito.
Tão grande!
Tão vasto!
Tão inatingível.

Uma lágrima passeia-me no rosto,
solitária.
Peço aos anjos (sim, creio neles!)
que te levem o meu beijo.
Peço a Deus que te faça perceber
o quanto fazes falta.
Tremeluzem os astros, na amplidão...
e, quando eu já penso que nem Deus me escuta,
eis que me vem a resposta,
no rastro de luz
de uma estrela cadente.

E eu volto, meu amor,
a acreditar que todos os meus sonhos
ainda são possíveis.

Lisieux

5 comentários:

  1. quantas vezes olhamos para o ceu em busca de respostas... que o sonho não termine e que haja sempre uma estrela que possamos admirar e nos faça acreditar que ainda é possivel...

    abraço Helena
    oa.s

    ResponderExcluir
  2. Os anjos tornam os sonhos possíveis.!!
    Beijo
    Graça

    ResponderExcluir
  3. Adivinha quem sou eu?????
    Sou "moça" de cachinhos loiros dourados...olhos azuis como a cor do céu...lábios da cor do pecado...peitinhos ff(firmes e fartos)...bundinha dura e substanciosa...cinturinha de pilão...voz macia como o veludo...boa de cama,mesa e banho...só ando de saltinhos cobertos de pedrinhas de brilhantes...para cobrir minha nudez,vestidinho de seda,estampado com flores do campo,rodado,para o vento brincar de levantar a saia...\o/uhuuuuu\o/...uma gotinha do perfume mais gostoso do mundo...
    Para,né?
    Eu não acredito que já queres ser igualzinha a mim...e olha que tu ainda não me vistes!!!!!
    Te dou até amanhã para descobrires qual é a música que quando eu canto,todos ficam perdidamente fascinados por mim!!!!
    Beijos...com meus lábios pintados com meu batonzinho Boka Loka...para te marcar...para todo mundo saber que eu te beijei...heheheheeeeeee...

    PS.: Claro que eu sei que tu me achas a pessoa mais modesta e tímida desse mundo...é que eu não gosto de falar de mim...ksksksksksks...
    OoooOOOoooo...Será que deu para perceber que estou voltando????

    ResponderExcluir
  4. Querida amiga Helena, vim desejar-lhe os bons dias. Espero que esteja bem.
    um forte abraço
    oa.s

    ResponderExcluir
  5. Bello poema.... Cuánta nostalgia apresada en palabras...

    ResponderExcluir

Nem sempre as poesias que posto tem a ver com o que estou passando ou sentido. Muitas vezes posto uma poesia pela sua beleza, ou então porque me toca, ou porque, de uma certa forma, me identifico com as palavras do poeta, e as visto.
Vista-se também!...