"A todos os visitantes de passagem por esse meu mundo de cores tão intensas... lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, das fotos de musas que emprestam suas belezas para compor esse espaço ou das notas da voz fascinante de Petra Magoni... que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"

13 de dez de 2012

Foto do post... Audrey Hepburn


 
Espelho de um momento

Ele dissipa a claridade 
Mostra aos homens as imagens sutis da aparência 
Arrebata aos homens a possibilidade de se distraírem. 
É duro quanto a pedra, 
A pedra informe, 
A pedra do movimento e da rua, 
E seu brilho é tal que todas as armaduras, todas as 
máscaras se deformam. 
O que a mão tomou desdenha mesmo de tomar a forma da mão. 
O que foi compreendido não existe mais, 
A ave se confundiu com o vento, 
O céu com sua verdade 
O homem com sua realidade.

 Paul Éluard

Um comentário:

  1. Boa noite...deixei uns anjos e algumas fadas para te acalentar!

    ResponderExcluir

Nem sempre as poesias que posto tem a ver com o que estou passando ou sentido. Muitas vezes posto uma poesia pela sua beleza, ou então porque me toca, ou porque, de uma certa forma, me identifico com as palavras do poeta, e as visto.
Vista-se também!...